Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Xica Margarida

01.11.11

Histórias de uma desocupada em busca de emprego (Parte Primeira)

Xica Margarida
Olá amiguinhos!

Hoje resolvi partilhar convosco uma experiência que tive enquanto pessoa desocupada (desempregada, vá). Como vocês devem saber quem está desempregado tem que manter uma procura activa de emprego e tem que se apresentar quinzenalmente como forma de provar que não fugiu do país ou não praticou algum crime. Oh, lá me enganei, esse regime é para quem tem problemas com a lei! Os desempregados só têm que se apresentar quinzenalmente, não têm que provar que fugiram do país, apenas provar que continuam à procura de emprego. Mas, não era sobre isso que queria falar, embora houvesse muito para dizer. Mas por agora não temos tempo (já dizia o grande Herman José)!
A história que vos quero contar tem a ver com uma oferta de emprego que o Instituto de Emprego e Formação Profissional me enviou. Recebi, então, em casa uma carta a pedir que me apresentasse na empresa "X", nos dias seguintes. Assim fiz. Procurei a empresa na net e nada. Procurei as indicações no Google sobre como lá chegar e nada. Então parti à aventura! E que aventura (se fosse religiosa, agora diria "Meu Deus"!)!
Então foi assim: Cheguei à localidade e perguntei pela rua. Fiquei a saber que era uma rua que estava dividida pelas duas freguesias. Isso só por si já é engraçado. Chegada à rua não encontrei a empresa nem o número de porta que vinha indicado na carta do IEFP. E agora? O que fazer? Perguntam vocês, e bem!
Chegada a esta fase, e depois de ter contactado com vários populares (houve até uma senhora que percorreu a rua comigo para encontrar aquela empresa), decidi ligar a quem não me poderia falhar: um ex-presidente da Junta daquela freguesia. Se havia alguém que me podia ajudar seria ele. Quem conhece melhor a freguesia que um seu autarca? Pelo menos é assim que eu penso. Então lá fiz a ligação e eis senão quando a resposta me surpreende: "Oh LS, esse senhor (o contacto da empresa) não tem nenhuma empresa! Ele é funcionário de outra firma e, que eu saiba, não abriu nenhuma empresa! Mas o lugar que procuras é uma casa de habitação e, pela indicação que me dás, estás em frente a ela!". Esta foi a resposta que obtive...
Moral da história: Eu fui em busca de um emprego de escriturária. Cheguei ao local indicado pelo IEFP e era uma casa de habitação (mas mais parecia uma casa desabitada) onde ninguém me abriu a porta. Fiquei a saber que o contacto que o IEFP me indicou afinal é de um particular que não tem empresa nenhuma e que quer, afinal, uma empregada de limpeza. Depois de tudo isto fiz uma exposição ao IEFP e devo dizer que ficaram estupefactos com a situação.
Resultado final: Continuo desocupada!

Euzinha

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Também estou aqui

O que já lá vai

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2009
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D

Em destaque no SAPO Blogs
pub